07/11/2006

A corrupção mata

O índice de percepção de corrupção da Transparency International que recolhe a opinião de analistas e empresários em 163 países foi divulgado ontem.

No topo da tabela de paíse transparentes estão a Finlândia, a Islândia e a Nova Zelândia e na cauda surge o Haiti, o Iraque ou a Guiné.

Dos paises europeus, vale a pena assinalar: 14 R. Unido, 16 Alemanha, 18 França, 23 Espanha, 26 Portugal, 45 Itália...

Os números divulgados mostram que há muito por fazer, e que a corrupção mata: com a excepção da Itália e da Venezuela, lá onde há corrupção há pobreza.