20/12/2006

A crise que vem da Ásia

Em 1997, o bom desenvolvimento económico da Ásia sofreu uma crise que se estendeu rapidamente a vários países asiáticos e latino-americanos. A Tailândia, que tinha o maior crescimento da história, entrou numa terrível crise monetária da que ainda hoje não conseguiu saír.

Ontem a economia electrónica propagou o pânico na bolsa pela fraqueza do dólar e do yuan chinês. A Tailândia, uma economia com grande presença de capital estrangeiro, perdeu até o 10% do seu PIB num só dia por um rumor de que blindaria o mercado.

Com as nossas economias ligadas em rede, um simples FUD (Fear, Uncertainty, Doubt) tem a potência e a celeridade suficiente para knockear qualquer país (p.ex. George Soros contra o Reino Unido). Os governos já não podem manejar as crises.

Imagem: números vermelhos na bolsa de Tóquio. Mais em BBC News.